• Prêmio Você Servidor
  • Novo Portal do Servidor
  • Segunda Onda - 15.01
  • RH Bahia

Notícias

15/05/2018 16:05

Planserv compartilha dicas sobre ergonomia

Lesão por esforço repetitivo (LER) ou Distúrbios Osteomoleculares Relacionados ao Trabalho (DORT) são as consequências mais conhecidas da falta de ergonomia. Contudo, dores no pescoço, formigamento nas pernas e tensão excessiva da musculatura de outras partes do corpo também podem ser sinais de que a pessoa está precisando de alongamentos durante sua jornada de trabalho. Para alertar os beneficiários do Planserv sobre a importância deste cuidado, o Programa de Prevenção “Sou + Saúde” compartilha dicas preciosas sobre ergonomia neste mês de maio.

A equipe composta por fisioterapeuta e educadores físicos que preparou o material sobre o assunto para os beneficiários do Planserv assegura que as atividades que exigem movimentos repetitivos, força excessiva, posturas estáticas ou inadequadas, digitação por tempo prolongado, entre outras, podem provocar dores musculares. “As atividades sem alternância, pausas para descanso e/ou mudanças de postura podem ser prejudiciais”, alertam.

Para evitar problemas e proporcionar bem estar e conforto muscular, além de fazer ajustes no ambiente de trabalho, tais como melhorar a disposição de mesas, cadeiras, monitores e outros equipamentos utilizados no dia a dia, é preciso incluir na rotina os exercícios de alongamento e relaxamento muscular, que podem ser praticados de forma individual ou coletiva. “São cuidados que ajudam a evitar lesões osteomusculares, reduzem o estresse e a fadiga, melhoram a circulação sanguínea, corrigem a postura, aumentam a motivação e estimulam a prática de atividade física”, resume a fisioterapeuta Cintia Silveira Silva.

Exercícios - Segundo as educadoras físicas Inajá da Conceição e Milene Martinez, as micropausas para alongamento que devem ser feitas ao longo do dia são essenciais. “Os exercícios são fáceis e incluem abrir e fechar as mãos e os dedos por dez vezes consecutivas; massagear braços e pescoço por 30 segundos e movimentar os ombros repetindo três vezes a ação de inspirar e elevá-los e, em seguida, expirar e relaxá-los.

A realização de alguns outros exercícios pelo período de apenas 15 segundos cada um também ajuda a manter a ergonomia.  São eles: manter os antebraços esticados e flexionar os pulsos; esticar os braços em frente ao corpo; estender os braços e as pernas; alongar o pescoço para os lados e segurar a perna flexionada, movimentando o pé verticalmente.

Curta, acompanhe e compartilhe: facebook.com/saeb.govba
Twitter: twitter.com/saebgovba

Fonte: Ascom / Planserv

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.